Boletim Focus, divulgado pelo Banco Central, estimou aumento no índice inflacionário após permanecer estável na última semana; documento também prevê a taxa de juros em 12,75% e uma leve alta no PIB para 0,89%

Banco Central (BC) divulgou nesta segunda-feira, 13, o Boletim Focus, que realiza previsões sobre a economia do país. Segundo o documento mais recente produzido pelo Bacen, houve um aumento na projeção da inflação para 2023, e o índice inflacionário é previsto para encerrar o ano em 5,96%. O número é maior do que o divulgado na última semana, quando encontrava-se estável em 5,90%. Em 2020, o Conselho Monetário Nacional (CMN) fixou a inflação para o ano de 2023 em 3,25%, com uma margem de tolerância em 1,5 ponto percentual para mais ou menos. Além da inflação, os analistas de mercado projetaram uma alta no Produto Interno Bruto (PIB) de 0,04% em relação à última semana, saindo de 0,85% para 0,89%. Para 2024, é esperado que a economia cresça 1,5%. As projeções sobre a taxa básica de juros, a Selic, e o dólar não tiveram alterações e devem encerrar o ano em 12,75% e R$ 5,25, respectivamente. Estes dois últimos índices não tiveram diferenças nas últimas quatro semanas. O Banco Central também estima que a inflação será de 4% no próximo ano, com a Selic chegando a 10% e o dólar, em R$ 5,30. O Boletim Focus é divulgado pelo BC às segundas-feiras, quando analistas da principal autoridade monetária projetam as principais estatísticas econômicas do país.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido !!