Incêndio em São Paulo 

Bombeiros trabalham no combate ao fogo desde a noite do domingo (10). Causas que provocaram são investigadas

O comadante do Corpo de Bombeiros, Jefferson de Mello, afirmou na manhã desta segunda-feira (11) que quatro construções foram danificadas pelo fogo na região da 25 de Março. O prédio principal, onde funcionam lojas de brinquedos e artigos de festas na rua Barão de Duprat, altura do número 95, na Sé, bairro do Centro Histórico de São Paulo, não corre o risco de desabamento. As três outras construções estão “condenadas“, segundo o comandante.

Na manhã desta segunda, há 28 viaturas e 80 profissionais tentando apagar os focos do incêndio.

“Tudo começou na parte de baixo do prédio, entre o térreo e primeiro andar. Pela forma como ele [prédio principal] é compartimentado isso pode não acontecer, mas os demais, que foram atingidos, estão praticamente condenados”, disse Mello. “Há rachaduras bem comprometidas que precisam de avaliação pormenorizadas. Vamos evitar a entrada dos proprietários para a defesa civil fazer a avaliação.”

Combate às chamas

O comandante, que coordena as ações de combate ao fogo, disse que os Bombeiros em pelo menos três frentes de trabalho. O prédio principal tem oito andares e o fogo o consumiu totalmente. Inicialmente, os brigadistas não conseguiram entrar no imóvel. Somente, por volta das 4h os Bombeiros conseguiram entrar no edifício para iniciar o combate interno.

Durante os trabalhos, dois bombeiros sofreram queimaduras e tiveram que ser levados ao pronto socorro do Hospital Tatuapé. Um deles teve 36% e outro com 18% do corpo atingido com queimaduras de segundo grau.

fonte: R7

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.