Noticias de ultima hora

É as eleições acabaram…

É as eleições acabaram, tecnicamente, obvio, ainda diversas cidades tem segundo turno, mas este ainda é irrelevante, tudo está razoavelmente definido em nosso país e gostaria de deixar aqui algumas observações.

Acompanhei de perto diversas cidades de minha região e fiquei surpreso com alguns resultados para vereador, mas nada muito fora do esperado.

Estimei que Campinas teria uma renovação de aproximadamente 18 vereadores, tivemos uma renovação de 16, número razoável dentro das alterações em uma cidade de 33 vereadores, dos 5 que estava torcendo e acompanhando apenas um conseguiu o esperado, pra mim uma grata surpresa, meu amigo Higor do Campo Grande foi o segundo vereador com mais votos da cidade, parabéns garoto, feliz realmente por esta grande conquista.

Outras cidades aqui da região metropolitana de Campinas não foi muito aquém daquilo que sempre falo, uma observação que as igrejas como instituição que tenta eleger vereadores dentro dos templos foram as grandes derrotadas, isto é bom, pois a gente deve lembrar que tais redutos tem cidadãos que tem vontade própria e escolhem dentro dos outros tantos candidatos aquele de sua preferência e não aquele da preferência dos seus líderes religiosos, isso mostra que um relevante sentimento de cidadania tem crescido dentro das igrejas, falei com diversos pastores e amigos evangélicos que tentaram se eleger dentro das igrejas que não se deve confiar em igrejas, o efeito  Bolsonaro mostrou que as pessoas estão cada vez mais politizadas, apesar que acho meio estranho quando falam que a periferia não é politizada, gente que faz esse tipo de comentário não conhece a periferia, a periferia que vota desde o ensino fundamental em representante de classe, (pelo menos era assim no meu tempo) se politizava desde muito cedo, mas tem instituições de bairro, casas de culturas, lideranças de igrejas, principalmente as católicas, com as comunidades eclesiais de base, mas mostrou que a onda evangélica das igrejas elegerem pastores enfraqueceu, isso é muito bom, teremos que buscar votos em outros lugares, atingindo outras esferas e bolhas, mostrando que é hábil o suficiente para conquistar outras pautas.

Pra minha surpresa outro grande derrotado, num aspecto geral foi o PSDB, um partido que sempre foi uma máquina de fazer vereadores em Campinas elegeu somente 1, com a possibilidade de fazer a vice prefeita, que apesar de ser intrinsicamente ligada ao PSDB, por ser esposa do deputado federal Carlos Sampaio, mas a votação está mais entre os eleitores do deputado e dos votos do Rafa Zimbalde, mas mostrou seu derretimento dentro das forças políticas relevantes, o PT apesar de ter derretido em quase todo Brasil mostrou uma força relevante mas não pelo partido em si, mas pelo desempenho do Tourinho como vereador e sua expressão na oposição e no enfraquecimento do PT antigo, uma nova força petista nasce em Campinas, pois os nobres edis do PT que foram eleitos, nenhum deles são os figurões da cidade, uma força emergente em uma cidade relevante, pode mostrar que em breve o PT pode se reinventar.

O PSOL é a grande surpresa, que cresce no vácuo petista e no anti bolsonarismo, eles dobraram a bancada em Campinas e estão fazendo o candidato de segundo turno na cidade de São Paulo, isso mostra que uma nova força de esquerda, que até então era apenas um partido satélite, está se mostrando no Brasil, isso é relevante e mostra que a esquerda permanece viva e atenta e pode crescer. A direita precisa aprender a ouvir as massas, os movimentos conservadores foram outros que se mostraram inócuos em relação as eleições, foram claramente derrotados como movimentos, numa clara mostra que as bolhas enganam e trazem falsas percepções da

realidade, sua relevância e poder de alcance não se mostrou efetiva, pois eles falam somente para as bolhas e elas são bolhas que em contato com o ar estouram, foi isso, para muitos conservadores que conversei, não foi falta de aviso, EU AVISEI!

Compreender a política, principalmente a partidária eleitoral, onde existe uma ciência e essa ciência não pode ser esquecida.

E minha última observação de hoje, é, e você bobão que ficou aí brigando, gritando, xingando enfim, seu candidato ganhou? Aos que sim parabéns, mas você ganhou o quê? Se perdeu, quase certeza, que perdeu e você ganhou o quê? Inimigos, só isso, você tem que entender que isso é um jogo, não uma guerra, a “eleição acaba, mas a amizade tem que continuar” (Abraão Strey, candidato do PL em Campinas) ouvi isso desse caro amigo, é assim que sua vida tem que ficar, mesmo quando as guerras terminam, os inimigos deixam de ser inimigos, mas num jogo você tem adversários, quando o jogo acaba você abraça seu adversário e vida que segue!

 Estes eleitos, parabéns para cada um de vocês, mas nós, que a vida não parou, aliás tem que continuar com ou sem eleição, temos que ter a consciência que eles nos governaram e eles só temem uma coisa, o povo na rua!

Cobrando, intimando, forçando-os a trabalhar, qual é a posição sua agora?

Não vou falar a minha, eu a tenho e tenho este poder aqui de escrever e fazer minhas ideias chegarem aonde eu os possa incomodar e a sua?

Fé no Brasil vida que segue!

Autor: Léo Godinho